Joe Biden: o que muda no mundo?

Destaque Principal, Economia/Política, Fique por dentro, Mais Lidas 29 de janeiro de 2021

Antes de iniciar o artigo, quero desejar a todos os leitores e leitoras do Portal Londres um excelente 2021.

Espero que este ano seja repleto de conquistas e muita saúde (principalmente muita vacina)!!!

Uma curiosidade de 2021: vocês sabiam que este será o ano que a terra vai girar mais rapidamente, isso se comparada aos últimos 50 anos? Pois é, teremos dias em média 0,5 milissegundos mais curtos que o normal. Portanto, para aqueles que já tem impressão que o tempo voa, literalmente ele está voando.

 

https://www.uol.com.br/tilt/noticias/redacao/2021/01/05/2021-vai-passar-voando-a-terra-esta-girando-mais-rapido-do-que-nunca.htm

 

Vamos a política:

 

O ano de 2021 já se iniciou um tanto conturbado. Estamos no final do mês de janeiro e várias situações negativas já ocorreram – e continuam.

Brigas por vacinas, ou não vacinas;

Ministros que não entendem de logística;

Falta de oxigênio no Amazonas;

2ª onda e mutação de coronavírus;

Brasil atingindo mais de 200 mil mortes provocadas pela Covid-19;

Mundo atingindo mais de 2 milhões de mortes provocadas pela Covid-19;

Invasão no capitólio americano;

Ex-presidentes (e atuais também) imaturos e orgulhosos demais para reconhecerem que estão errados.

 

É de perder o fôlego com tanta notícia ruim! Mas, existe sempre aquela luz no fim do túnel até mesmo para os pessimistas e realistas. Eu, como uma realista, reconheço que essa luz chegou no dia 20 de janeiro de 2021, dia em que o 46º Presidente dos Estados Unidos, o Democrata Joe Biden assumiu o cargo para o qual foi eleito em novembro de 2020.

A vitória de Biden é histórica e simboliza muitas mudanças no âmbito doméstico norte-americano. E não se engane, os EUA ainda permanecem como principal economia no mundo, gerando um PIB anual de mais de 20 trilhões de dólares, portanto, o que acontece domesticamente neste país impacta o mundo como um jogo de dominó.

 

Vamos aos fatos e previsões:

 

Trump X Biden

A mudança de rumo da política norte-americana começou em novembro do ano passado com as eleições presidenciais, quando Biden venceu Trump numa diferença de 74 colégios eleitorais[1]. E apesar da pouca diferença de idade entre os candidatos, as retóricas de seus discursos são praticamente opostas.

Trump defende um discurso inflamado, divisório e nacionalista. Exalta a supremacia branca, é fã de líderes autoritários como Vladimir Putin e do ditador Kim Jong-Um. Incita o combate dos EUA com a China, adota políticas nada amistosas para imigrantes, principalmente os de origem muçulmana, e, refuta organizações e iniciativas multilaterais como a OMS (Organização Mundial de Saúde) e o Acordo de Paris (em prol do desenvolvimento sustentável ambiental).

Biden possui uma postura mais comedida e sóbria ao falar. Seu discurso defende valores humanistas, internacionais e liberais. Sem mencionar que possui um excelente gosto para escolher vice-presidentes.

 

Impacto Doméstico

 

No âmbito doméstico podemos esperar um combate mais agressivo contra a Covid-19, através de medidas mais restritivas sendo tomadas com respaldo em pesquisas científicas.

O novo Presidente também anunciou que não irá poupar esforços para investir em mais vacinação para a população[2]. Fontes próximas de Biden informaram que o combate a pandemia se tornou uma obsessão do novo Presidente.

Na esfera econômica, políticas mais proibitivas a favor de uma economia mais sustentável focada na proteção do meio ambiente serão tomadas, com alguns setores recebendo taxações punitivas. No seu primeiro dia de trabalho, Joe Biden já revogou a permissão da construção de um túnel de petróleo entre os EUA e o Canadá.

Tudo indica que o novo Presidente irá passar um pacote de alívio econômico de 1.9 trilhões de dólares para a população se recuperar dos impactos causados pela pandemia. Ele também aumentou o salário mínimo e sinalizou aumentar impostos, algo que pode sufocar a economia norte-americana, que no momento tenta se recuperar dos impactos causados pela pandemia.

Em contrapartida, podemos esperar um resgate aos valores liberais e mais ênfase em discursos em prol da tolerância e da integração. Biden enfatiza muito a união dos norte-americanos e procura resgatar valores democráticos que há 4 anos eram negligenciados pelo seu antecessor.

 

Menos políticas ultraconservadoras

Joe Biden já implementou ordens executivas[3] que refutam a proibição de viajar de imigrantes provindo de países muçulmanos para os EUA, mandou parar a construção do muro entre EUA e México e rompeu com a aliança mundial que se posiciona contra o aborto.

 

Internacional

Certamente, o modelo de governança multilateral e liberal será resgatado com essa nova administração. Especialistas afirmam que haverá uma retomada às tradições diplomáticas norte-americanas, algo que não acontecia na gestão Trump.

Os EUA perderam o posto de liderar projetos de cooperação internacional em prol de uma governança global baseada na estabilidade internacional e no “soft power”. Com Biden, esse posicionamento retornará.

Além da tentativa de retomada multilateral, os EUA certamente irão buscar reviver sua presença em organismos multilaterais como a OMS.

Em relação a China, na prática, não esperem muitas mudanças, embargos comerciais continuarão acontecendo, mas o que muda? Certamente, menos discursos provocativos contras as autoridades chinesas, ou seja, menos teatro e mais ação.

Esperem para ver a tentativa de retomada do acordo de não-proliferação nuclear com o Irã, além de um suporte ao acordo mais integracionista entre a União Europeia e o Reino Unido.

Uma relação menos amistosa com a Rússia e países com líderes autocráticos, incluindo o Brasil, Bolsonaro foi o último líder de um país democrata a congratular o novo Presidente norte-americano.

 

Últimas reflexões.

Tudo indica que Biden vai fazer história, e na minha opinião dois fatores importantes contam a seu favor para que isso aconteça:

  1. Pela primeira vez em anos, os democratas são maioria no Senado e no Congresso norte-americano, o que significa que Biden terá mais facilidade para passar projetos;
  2. Kamala Harris, a vice-presidente escolhida por Biden, uma mulher de origem imigrante, um marco histórico na política dos EUA. A nova vice, trará uma visão diferenciada ao alto comando da Casa Branca. Esperemos ver políticas mais progressistas em prol das mulheres e dos imigrantes.

 

[1] O Sistema eleitoral norte-americano é diferente do brasileiro. Nele o vencedor não é necessariamente quem tem mais votos numéricos e sim quem consegue levar mais colégios eleitorais. No caso de 2020, Biden levou 306 colégios eleitorais, e Trump ficou com 270.

[2] Já na primeira semana anunciou um arriscado plano de vacinar 100 milhões de americanos nos seus primeiros 100 dias de governo.

[3] Ordens que não precisam do aval do Parlamento americano para serem implementadas. Funcionam como nossas Medidas Provisórias.

Maria Antonia De Carli
Últimos posts por Maria Antonia De Carli (exibir todos)

One Response to “Joe Biden: o que muda no mundo?”

  1. Maria Adriana da Silva Caldas on 29 de janeiro de 2021 @ 18:05

    Sempre fluida, informativa e com muito estilo a escrita de Maria. Parabéns por informar e refletir sobre temas atuais e de grande importância para a humanidade. Sempre com muita competência e leveza! Brava!

Leave a Reply

Popular

  • Empresário Rafael dos Santos lança premi...

    by on 26 de fevereiro de 2021 - 0 Comments

    No dia 21 de maio de 2021, às 19h (horário de Nova Iorque), ocorrerá a premiação “Melhor do Brasil nos EUA”, que conta com a presença ilustre da atriz e ativista Luiza Brunet.  O evento que tem como intuito celebrar e unir a comunidade brasileira nos EUA está no seu primeiro ano, e por devido […]

  • Número de trabalhadores no regime de lic...

    by on 26 de fevereiro de 2021 - 0 Comments

    O regime de pessoas em regime de licença aumentou significativamente em janeiro, quando o país entrou em seu terceiro bloqueio nacional. Os números divulgados mostram que um total de 4,7 milhões de trabalhadores estavam no regime do governo no final do mês. Segundo os dados divulgados pelo Tesouro, 16% dos trabalhadores elegíveis estavam no regime […]

  • Rafael dos Santos entrevista a princesa ...

    by on 25 de fevereiro de 2021 - 0 Comments

    Não é todo dia que uma princesa está aí disposta a dar uma entrevista, né gente? E como o Rafael é bem perspicaz – característica carinhosamente usada por nós aqui do Portal Londres – ele entrevistou a   Princesa Basma of Oman. A princesa dividiu com o Rafael como é o seu cotidiano, seu trabalho […]

  • Posso me beneficiar da retenção de direi...

    by on 25 de fevereiro de 2021 - 0 Comments

    Se você acha que perdeu o seu direito de viver no Reino Unido porque a sua relação com um EEA (European Economic Area) chegou ou está chegando ao fim, leia este artigo antes de fazer as malas, pois você pode estar entre aqueles que são elegíveis a solicitar a chamada retenção de direito de residência.  […]

  • A importância do marketing digital para ...

    by on 24 de fevereiro de 2021 - 0 Comments

    Século XXI e estamos vivendo a era da tecnologia, dos smartphones, do digital, do acesso à informação por meio da internet. Empresas estão reconhecendo a necessidade de migrar seus negócios para esse mundo. Seja para posicionamento de marca, relacionamento ou promoção, o entendimento de que estar no digital abre possibilidades de alcançar mais pessoas e […]

×
Portal Londres