Sistema público de saúde na Inglaterra

Fique por dentro, Leia Mais, Mais Lidas, Saude, Utilidade Pública 22 de setembro de 2020

Entender como funciona o sistema público de saúde da Inglaterra é um assunto que a maioria das pessoas que pretende viver no país quer e precisa saber, inclusive, um assunto de interesse das pessoas que já moram aqui, mas nunca usufruíram do serviço que o NHS oferece. Para tirar suas dúvidas sobre o tema, leia esse artigo até o final.

O que é o NHS?

NHS é a sigla para National Helth Service (Serviço Nacional de Saúde), equivalente ao SUS (Sistema Único de Saúde) no Brasil. Criado em 1948 pelo parlamentar trabalhista, Aneurin Bevan, o NHS é o sistema de saúde mais antigo do mundo e exemplo global por sua eficiência e organização. A ideia inicial – e que perdura até hoje -, é que o sistema atenda os seguintes pontos: seja gratuito na ponta, que atenda a necessidade de todos e que o acesso seja medido pela necessidade do paciente, e não pela sua condição financeira para pagar por um serviço. O sistema é mantido há 72 anos pela arrecadação de impostos pagos por aproximadamente 70 milhões de britânicos, atendendo todo o Reino Unido, que é constituído por Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte.

 

Como funciona?

Com o serviço gratuito (exceto para serviços dentários que exige pagamento de valor que varia de acordo com o procedimento que será realizado), os bairros e regiões são compostos por General Practitioner Surgery (GP), equivalente a UPA/Posto de Saúde. Cada GP é responsável por pelo menos 1.700 pessoas, e para se consultar você deve ir ao GP mais próximo de sua casa com seus documentos (passaporte, visto de permanência de pelo menos 6 meses e comprovante de endereço), preencher um formulário com todos os seus dados e informar seu histórico de saúde. Após se registrar no GP mais próximo, você receberá um número de identificação e o endereço da farmácia local, onde você receberá seus medicamentos, caso o médico receite. Para se consultar, você deve ligar ou ir pessoalmente para marcar a consulta. Se precisar de um serviço de urgência, uma opção são as walk-in centres (clínicas gerais de emergência). O atendimento é por ordem de chegada.

Para saber a GP mais próxima de você, acesse o site: www.nhs.uk/service-search/find-a-GP 

Há também um suporte 24h por meio do telefone 111. Sem custo de ligação.

 

Medicamentos

A maioria dos medicamentos é gratuito, e os que são pagos há um valor fixo de £7.65. Menores de 18 anos, pessoas acima de 60 anos, estudantes, gestantes, deficientes e desempregados que recebem auxílio do governo não pagam por nenhum medicamento. Importante enfatizar que o país prioriza a saúde sexual, e que pílula anticoncepcional, camisinhas, pílula do dia seguinte e teste de gravidez são distribuídos gratuitamente. Seguindo essa linha, o país entende que o aborto é questão de saúde pública, portanto, o procedimento é legal, do ponto de vista jurídico – com algumas restrições.

 

Quem pode usufruir dos serviços gratuitos do NHS?

Cidadãos britânicos, residentes legais e seus dependentes, e estudantes em cursos com duração superior a seis meses podem usar os serviços gratuitamente. Para estudantes em cursos de duração inferior a seis meses poderá ser cobrada uma taxa pelos serviços, mas não será cobrada a sobretaxa. Estudante com curso de duração superior a seis meses, mas não é residente, será cobrada sobretaxa de saúde para imigração de £150 por ano, por pessoa (estudantes e seus dependentes), e esse processo deve ser realizado na aplicação do visto.

 

Turista tem acesso aos serviços do NHS?

Sim, mas os turistas têm acesso apenas a serviços em caso de urgência e acidentes. Após o atendimento, o turista é obrigado a arcar com todas as despesas hospitalares e os medicamentos receitados, ou seja, é um valor bem elevado. Recomenda-se que antes de viajar para a Inglaterra seja feito um seguro viagem internacional que cubra todos os gastos médicos no país. O preço do seguro varia de acordo com sua idade e quantidade de dias que deseja ficar. Geralmente, os oficiais na imigração solicitam o seguro viagem, então, fique ligado. 

 

Caso ainda tenha dúvidas sobre o tema, manda um comentário para a gente.

 

Para saber mais sobre tudo que acontece na Inglaterra, curta nossa página no Facebook clicando aqui e também nos siga no Instagram clicando aqui.

 

Texto de Ana Rithielly

 

2 Responses to “Sistema público de saúde na Inglaterra”

  1. Juliana daniel on 23 de setembro de 2020 @ 01:51

    Ola.europeu tem direiro ao NHS? Cidadã italiana.

Leave a Reply

Popular

  • Como pedir visto de autônomo para os Est...

    by on 5 horas ago - 0 Comments

    Atenção comunidade ítalo-brasileira!  Caso tenha perdido a esperança de entrar aqui no país em busca de qualidade de vida ou trabalho, vim trazer uma ótima alternativa. Se você já reside aqui no país mas pretende buscar outras experiências, essa dica também é para você.   Hoje vamos falar da cidadania italiana para imigrar para os […]

  • Economia: o que é o Budget e o que esper...

    by on 11 horas ago - 0 Comments

    Nesta quarta-feira, dia 3, o Chanceler, Rishi Sunak, irá informar o Budget de 2021 para o país e quais pontos serão abordados. Espera-se que o Budget de 2021 seja feito cautelosamente devido aos efeitos econômicos da pandemia.   O que é o Budget? Budget, em tradução livre, significa ‘orçamento’. Todos os anos, o chanceler do […]

  • Confira 70 cursos gratuitos do Google

    by on 2 de março de 2021 - 0 Comments

    São em diversas áreas, dentre elas: Marketing Digital, Tecnologia da Informação e Desenvolvimento de carreira. Essa é uma boa oportunidade de poder estudar on-line e ainda ter certificado.   Em Marketing Digital são os cursos: Fundamentos do Marketing Digital Leve sua empresa para a Web Garanta que os clientes encontrem você on-line Promova sua empresa […]

  • Evento “Ser Trans – Desafios Conquistas”...

    by on 2 de março de 2021 - 0 Comments

    Em 2016 o Brasil já estava no topo do ranking de países com mais registros de homicídios de pessoas transgêneras segundo relatório da TGEU, uma ONG sediada na Alemanha e dedicada a luta dos direitos e bem-estar de pessoas trans na Europa e na Ásia.  Mas nos últimos anos o Brasil não tem sido o […]

  • Google oferece capacitação profissional ...

    by on 1 de março de 2021 - 0 Comments

    O Google está oferecendo gratuitamente dois programas de capacitação para mulheres. Os minicursos, que ocorrerão virtualmente no dia oito de março, Dia Internacional da Mulher, já estão com as inscrições abertas. O programa Cresça com o Google para Mulheres que Querem Empreender tem como objetivo apresentar conteúdos e dicas práticas sobre liderança feminina, marca pessoal, […]

×
Portal Londres