Aplicativo Linha Direta e amigos solidários do mundo unem-se para facilitar o pedido por socorro imediato ao redor do mundo.

Economia/Política, Fique por dentro, Mais Lidas, Mais recente, Moda e beleza, Para Dar Detaque, Saude, Sem categoria, Utilidade Pública 21 de junho de 2020

Aplicativo Linha Direta e amigos solidários do mundo unem-se para facilitar o pedido por socorro imediato ao redor do mundo

Londres, 03 de junho de 2020 – Na última sexta-feira (29) a Caring Friends e o Grupo Mulheres do Brasil núcleo Londres coordenaram o encontro com a equipe do aplicativo Linha Direta para apresentar os usos, utilidades e recursos que a inovação trás para a segurança pessoal e comunitária. Dentre os participantes encontravam-se também membros do grupo Open Innovation BR Israel e agentes de segurança e de órgãos de prevenção à violência contra a mulher. Criado em 2017 por Leonardo Gandelman, o aplicativo funciona como um canal exclusivo para o envio e o recebimento de chamadas de emergência e urgência entre pessoas de confiança e pessoas próximas.
Com objetivo de salvar vidas, o aplicativo Linha Direta facilita o pedido por socorro imediato de pessoas isoladas e vulneráveis. Idosos, mulheres e pessoas que estejam sofrendo qualquer tipo de violência, e que tenham medo de pedir por ajuda e terem a violência agravada por ser agressores. Segundo Leonardo, durante a parceria com a Polícia Militar do Rio de Janeiro que possibilitava aos usuários chamar agentes policiais, mais 80% dos pedidos de socorro realizados foram para o círculo pessoal de conhecimento da vítima e não para a polícia.
Disponível IOs (Iphone) e Android, seu uso não requer habilidades avançadas em tecnologia digital. O aplicativo é completamente acessível e gratuito e o usuário precisa apenas de um smartphone com internet. Após fazer a instalação e realizar o cadastro, o usuário precisa aceitar as permissões e adicionar seus contatos de confiança podendo organizá-los em grupos.
Leonardo exemplificou, “pode ser criado o núcleo de Londres, ou o grupo das mães, ou grupo da família, ou qualquer grupo” e complementou “não fazemos uso de nenhuma informação dos usuários e as mensagens são enviadas apenas para as pessoas selecionadas no momento do alerta. É importante lembrar, também, que o som do smartphone precisa estar ligado para que o contato de emergência receba o alerta sonoro.”. O aplicativo foi testado durante a reunião e instalado pelos participantes. Demonstrando a facilidade e praticidade de uso.
Ao abrir o aplicativo o usuário verá a tela para emitir o alerta. Pressionando a sirene optará pelos grupos e/ou contatos a quem enviará o alerta que precisam ter o aplicativo instalado em seu telefone para recebe-lo. Após gravar e/ou digitar o pedido por socorro e selecionar o local, a mensagem é enviada aos contatos selecionados que recebem uma notificação sonora(sirene) e visual, separando emergências de mensagens pessoais trocadas em outras plataformas.

O aplicativo se fecha automaticamente, sem deixar rastros sobre o pedido de ajuda, garantindo a segurança do usuário. “Essa função foi desenvolvida pensando na segurança das mulheres, crianças e idosos em situação de violência doméstica, e pessoas que podem vir a sofrer uma nova violência caso o agressor saiba do pedido de ajuda.”, comenta Leonardo. Através da celebração de parceria com a startup qualquer órgão público, associação, condomínio preocupado com a segurança de seus membros pode ter um dashboard e um canal direto para receber alertas de emergência gratuitamente.
A reunião teve apoio do Comitê do Direito da Mulher do núcleo de Londres do Grupo Mulheres do Brasil (GMDB), instituição sem fins lucrativos fundada no Brasil há 7 anos e que conta com a colaboração e engajamento de 43000 mulheres ao redor do mundo. Um dos focos do grupo de mulheres é o combate a violência doméstica, através da organização da sociedade civil. Entre os presentes estavam as líderes Andrea Serva, Marli Pires e Vanda Maeda do Comitê de Direitos da Mulher, Elizabete Scheibmayr Líder do GMDB de São Paulo do Comitê de Combate à Violência contra a Mulher, Valéria da Cunha Prado Campiglia do Núcleo de Nova Iorque e Iramaia Kotschedoff líder do núcleo de Dusseldourf da Alemanha.
Visando garantir estratégias de segurança para a população brasileira que reside e trabalha no exterior, também contou com a participação de Karla Ponce Leon Lira Couto, Coordenadora-Geral do Ligue 180 e Lucas Carvalho da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres, do Governo Federal brasileiro, de Jaqueline Mesquita, Assessora da Comissão Mista de Combate à Violência Contra a Mulher do Congresso Nacional brasileiro e do Policial Elvis da Metropolitan Police de Londres.
O encontro foi uma excelente oportunidade para estabelecer parcerias e criar colaboração entre os órgãos públicos, ONGs, associações e a sociedade civil de brasileiros residentes e atuantes dentro e fora do Brasil. Registrando a presença, também, de Lucia Aeberhardt do Madalena’s da Suiça, Angela Motta da Associação ECCO, Ocirema Okukleta da Associacao Cedrac de Zurique, Selma Ferreira Cazes, a Presidente do Consid de Faro em Portugal, Juliana Wahlgren Fundadora e Coordenadora Jurídica da Revibra e Advogada nas Cortes Europeias de Justiça e de Direitos Humanos pelos dosssiers ENAR (anti-discriminação/migração/fundamental rights) da Bélgica, Adenilson Pereira da Raiz Mirim de Bruxelas, entre outros amigos solidários preocupados com a segurança e a prevenção à violência.
“Hoje milhares de brasileiros que vivem fora do Brasil passam dificuldades severas para buscar ajuda em momentos de emergência e urgência e a Caring Friends tem se debruçado sobre essa problemática. Esse encontro de apresentação do aplicativo Linha Direta buscou mobilizar sua implantação como estratégia para prevenir a violência, principalmente a doméstica e contra a mulher, trazendo mais segurança para as pessoas ao redor do mundo”, comenta Luciana Oliveira, organizadora do encontro.
O desenvolvimento do aplicativo Linha Direta visa garantir a inclusão social, prezando pela acessibilidade de pessoas com deficiência, e vem promovendo a comunicação entre quem precisa de socorro e quem pode socorre-lo. Encontra-se em execução a sua tradução para outros idiomas – além da língua portuguesa brasileira – para que qualquer pessoa que precise de ajuda a tenha de forma rápida, eficiente e segura.

O aplicativo Linha Direta está disponível nas lojas Google Play e App Store.

Aplicativo Linha Direta

Leave a Reply

Popular

  • Não deixe que esses erros te impeçam de ...

    by on 4 horas ago - 0 Comments

    Desde que comecei a trabalhar com Educação Superior no Reino Unido a mais de 7 anos atrás, vejo estudantes estrangeiros adiando o sonho de ingressarem em uma universidade britânica quase sempre por cometerem os mesmos erros. Na minha coluna deste mês, eu explico para você quais são esses erros e como evitá-los.    ERRO 1 […]

  • Covid-19: Governo atinge meta de vacinaç...

    by on 13 de abril de 2021 - 0 Comments

      O objetivo era que, até 15 de abril, todos os adultos com 50 anos ou mais, bem como os mais jovens com condições de saúde subjacentes que os colocam em maior risco, pudessem receber o jab e o governo conseguiu atingir a meta. A meta foi alcançada antes do previsto, e partir de hoje (13), […]

  • Compra da casa própria no Reino Unido; p...

    by on 13 de abril de 2021 - 0 Comments

    Você conseguiu juntar o depósito, que maravilha! Caso queria saber o que é necessário para organizar as suas finanças, no artigo anterior:  O que posso fazer para me planejar financeiramente? , eu falo sobre esse tópico.  Conversou com um especialista (pode ser o banco diretamente ou um mortgage adviser independente, como eu) para saber as […]

  • Aulas de direção são retomadas na Inglat...

    by on 12 de abril de 2021 - 0 Comments

    Devido às regras do coronavírus, a Inglaterra e o País de Gales suspenderam as aulas de direção para carteira de moto e carro.  Mais regras foram levantadas hoje, dia 12 de abril, e as aulas de direção podem ser retomadas, com os testes podendo ser realizados a partir do dia 22 de abril. A Agência […]

  • Rainha abrirá jardim do Palácio de Bucki...

    by on 11 de abril de 2021 - 0 Comments

    Todos os anos, o Palácio abre suas portas para milhares de visitantes que correm para ver suas grandes salas e exposições. Pelo segundo ano consecutivo, essas salas e exposições não estarão abertas ao público devido a pandemia. Contudo, o jardim poderá receber visitantes.   O The Royal Collection Trust (RCT), que gerencia a abertura pública […]

×
Portal Londres