Comunicação da saída definitiva

Economia/Política, Fique por dentro, Mais Lidas, Mais recente, Não categorizado, Sem categoria, Utilidade Pública 12 de maio de 2020

Comunicação da saída definitiva

Esse ano completo 20 anos da minha primeira formação em Contábeis. E Ainda me intriga até hoje o receio do brasileiro que reside no exterior sobre a comunicação da saída definitiva.

Demoram anos, muito tempo para resolver esse assunto que pode ser resolvido facilmente.

Semana passada atendi uma cliente que mora na Alemanha. Fiquei muito feliz de perceber o alivio, satisfação de resolver um assunto que ela chamou de o fantasma que me guardo na gaveta a anos.

Gostei também de saber que ela me encontrou no you tube e que entre todos os vídeos que ela assistiu de desconhecidos, ela resolveu me contratar. Pagou sua consulta e fez o pedido do serviço a nossa empresa. Pois ela sentiu naquele vídeo de baixa qualidade de produção, quase caseiro:

  1. Transparência
  2. Segurança na forma que passei a informação
  3. Clareza na informação dada
  4. Tranquilidade de que e’ possível resolver esse problema.
  5. Experiência prática, são 20 anos de atuação nessa área

Eu fico muito agradecida de saber que no vídeo os valores, a seriedade e praticidade que eu acredito, defendo e aplico todo santo dia possam ser identificadas.

Querido brasileiro no exterior. Não tenha medo dessa tão famosa “comunicação de saída definitiva”. Para aqueles que residem em países onde não temos o acordo bilateral tributário. Essa comunicação TE PROTEGE de pagar imposto no Brasil e no Exterior.

A comunicação de saída definitiva se aplica a todos os brasileiros que saíram com intenção de passar mais de 12 meses fora do Brasil. Mais de 12 meses, já e’ considerado tributariamente uma saída permanente. Essa saída permanente e definitiva não e’ tão dura como as palavras soam. Ela e’ totalmente REVERSÍVEL, uma vez que você volte para o Brasil. A comunicação de saída definitiva tem uma irmã gêmea chamada COMUNICAÇÃO DE ENTRADA DEFINITIVA.

A ignorância da lei não justifica não fazê-lo. Uma vez, eu também não queria faze-lo, e queria deixar de lado esse assunto. Nós temos medos dos contadores, dos advogados. Tem profissional que inventam trabalho e procedimento onde não existe. Eu também sou cliente em muitas ocasiões , então sei como pensamos. Parece um assunto tão complicado, e CARO , que preferimos deixar de lado. Tem muitas pessoas que tem vergonha de contar que moram no exterior a 20 anos e nunca fizeram a comunicação de saída definitiva.

Não tenha vergonha, contadores só existem para fazer esse trabalho. Contadores tem que seguir uma ética professional firmada com o Órgão professional que ele e’ filiado. Nenhum profissional que se prese pode expor a sua vida tributaria. Relacionamento com contadores tem que ser firmado em confiança e em credenciais, histórico professional. Contrate professionais sérios, pois professionais baratos causam erros caros para consertar.

VOCÊ PODE fazer a qualquer momento. E como foi que aquele contador me convenceu a fazer. Ele me disse Luciana, esse assunto um dia vai ter que ser resolvido, a diferença e’ que ou será resolvido facilmente e em vida por você, ou os seus herdeiros irão resolver. Então será mais fácil você resolver do que eles. Claro que isso só se torna importante para quem tem investimentos, ativos financeiros, propriedades.

Aproveito para lembrar que para aqueles que também realizam imposto de renda no exterior, o mesmo se aplica, sempre que mudar de país, feche suas contas tributarias de onde você sair.

Declarar informações a Receita Federal / FISCO/ HMRC não quer dizer necessariamente pagar impostos de renda. Declarar significa informar. Não informar e’ um erro e pode atrair multas, mesmo que você não tenha nada de imposto a pagar.

Luciana Oliveira

Senior Tax Consultant

Co-founder – CFO

Atrium Accountants&Consultancy

2 Comentários para “Comunicação da saída definitiva”

  1. MARIA HELENA MCBRIDE em 17 de maio de 2020 @ 14:53

    Luciana, gostaria de saber se para aposentados no BR que moram aqui em UK mais de 10 anos tem problema para fazer a Saida Definitiva e como fica a questao do recebimento da aposentadoria no BR?

    Desde ja agradeco.

    Helena McBride

  2. Gostaria de saber como faço para q vc me ajude a resolver esse negocio d IR, sai do brasil a alguns anos mais nunca resolvi. Desde ja agradeço

Deixe seu Comentário

×