1. Home
  2. /
  3. Blog
  4. /
  5. Sem categoria
  6. /
  7. A Família Real em...

A Família Real em Tempos Modernos

Curiosidades de Londres, Destaque Principal, Economia/Política, Fique por dentro, Sem categoria 17 de janeiro de 2020

Para quem não mora no Reino Unido talvez seja difícil entender o real impacto do assunto da semana, sobre a decisão de Harry e Meghan de se afastarem da realeza. Mas o que isso quer dizer? E o que isso representa a um reino?

Na mesma semana em que os olhos do mundo estavam no conflito entre Irã e Estados Unidos, outro fato em outro canto do mundo, mais precisamente em um Reino, pegava todos, ou quase todos, de surpresa.
Imagine você, ser parte de uma família recheada de eventos pelo mundo, com viagens, festas, os melhores banquetes, roupas, joias, ações sociais e uma herança de quase um milênio. Seria um sonho? Não para todos. E o príncipe Harry e Meghan já haviam dado sinais de que todo esse pacote de vantagens da família real estava bem distante de seus planos.

Logo no início dessa convivência houve certo entusiasmo por parte da mídia. De certa forma, era um frescor novo e isso dava uma vivacidade a milênios de tradição. A mídia chegou a apelidar Harry e Meghan e Willian e Kate de “Quarteto Fabuloso” e muitos planos foram feitos juntos como: ações de caridade em conjunto e viagens para promover a Família Real e unida ao redor do mundo. Mas com o tempo esses planos foram silenciados e aos poucos Harry e Meghan optaram por maior autonomia e deixaram o Castelo de Kensington, para morar nos arredores de Londres, recusaram um titulo real ao filho, Archie e no último natal, decidiram não passar na companhia da rainha e viajaram para o Canadá. Esses são alguns dos indícios que algo mais sério estava por vir.
Mas Harry e Meghan querem o quê?

 

É difícil falar o que quer dizer essa decisão em não fazer parte da família real. Porque é algo sem muitos precedentes, até então, com exceção do tio da rainha, Edward. O que se sabe é que Harry e Meghan fazem parte do alto escalão da família real e isso quer dizer que essa classe não pode ter outro emprego, devido a compromissos oficiais que devem chamar a atenção para uma causa nobre. E tanto Harry quanto Meghan sabem do poder que ambos têm para influenciar nas redes sociais, fazer palestras, dublagens e ganhar seu próprio dinheiro, já que hoje grande parte de seus gastos são bancados pelo pai de Harry, o Príncipe Charles.
Vida normal, contas a pagar, visibilidade e bom uso das redes sociais, com mais liberdade seria um modelo para uma nova vida, como faz a família Obama, grande ídolo de Meghan. E é fato que muitas marcas estão de olho no novo “pão quente” da mídia. Mas fica a questão: será que é possível ser “meio real”? Será que existe uma realeza “part-time” ou uma realeza virtual? Será possível uma dedicação ao Reino Unido, morando no Canadá?

E como fica a opinião dos britânicos?
Um Reino dividido. É inegável o carisma de Harry e isso beneficia e muito a opinião de britânicos a seu favor. Muitos acreditam que ele é o mais parecido com a Princesa Diana, e é natural ele querer uma vida normal, é um aceno a novos tempos dentro da monarquia. Outros, mais radicais enxergam essa atitude como imatura, como uma quebra de regras e até um desrespeito a rainha. Não há um consenso entre os súditos.
Mas é fato que Meghan sentiu o sabor amargo da imprensa britânica que destilou um veneno pesado e ate racista em pleno século 21. Vale dizer que outros membros da família real, também foram alvo de hostilidade, mas nada que se compare a elevada crueldade direcionada a Meghan. Para muitos, esse foi o estopim para a decisão do casal.
O futuro da realeza
Sem dúvida é uma peça importante desse jogo de xadrez que escolheu um caminho diferente. Em meio a tantas crises, a mais recente do Príncipe Andrew, apontado em casos de pedofilia e tráfico de mulheres, faz dessa atitude do príncipe Harry, uma perda importante. Jovem, bonito, carismático e popular, ele traz todo o frescor que a monarquia precisa para se renovar, oxigenar e se preparar para os próximos tempos. Mas pelo visto, essa novela real está longe de terminar e eu como não tenho a herança de Harry, e nem estou com a vida ganha, preciso voltar para o trabalho.
Texto por Juliana Albanez

One Response to “A Família Real em Tempos Modernos”

  1. Essa Meghan veio pra desgracar a Vida do harry.

Leave a Reply

Popular

  • Amazon oferece bônus de £ 3.000 para nov...

    by on 7 horas ago - 0 Comments

    Shares0Facebook0Tweet0Pin0LinkedIn0Print0Email0 A empresa AMAZON anunciou que dobrou o valor oferecido para novos funcionários. O objetivo é atrair mão de obra para o período de Natal. A gigante do varejo informou que possui mais de 20.000 vagas. Inicialmente, a empresa estava oferecendo bônus de adesão de £ 1.500, mas como não conseguiu preencher as vagas disponíveis, […]

  • Divórcio no Brasil através do cartório.

    by on 18 de outubro de 2021 - 0 Comments

    Shares2Facebook2Tweet0Pin0LinkedIn0Print0Email0 Como se o processo de divórcio já não fosse, em si, motivo suficiente para estresse, junto com ele vem uma maré de burocracias e muito, muito tempo de espera. Para alguns, esse calvário é inevitável, mas, para o alívio de uma outra parte, existe um modo mais simples e fácil de se divorciar que […]

  • Testes de fluxo lateral mais barato será...

    by on 16 de outubro de 2021 - 0 Comments

    Shares0Facebook0Tweet0Pin0LinkedIn0Print0Email0 A partir de 24 de outubro, os passageiros totalmente vacinados e a maioria dos menores de 18 anos que chegam à Inglaterra de países que não estão na lista vermelha podem fazer um teste de fluxo lateral mais barato, no dia 2 ou antes de sua chegada ao Reino Unido. Os testes estarão disponíveis […]

  • Conheça Anna Alves-Lazaro, vencedora do ...

    by on 15 de outubro de 2021 - 0 Comments

    Shares0Facebook0Tweet0Pin0LinkedIn0Print0Email0 Anna Alves-Lazaro. Advogada brasileira, naturalizada americana, membro da OAB/PE, Comunicadora Social. Presidente-Fundadora da Hope & Justice Foundation. Palestrante, Escritora, Advogada dos sobreviventes do Tráfico Humano, Violência Doméstica, Abuso e Exploração Sexual Infantil. Recebeu diversos prêmios por sua atuação em defesa dos Direitos das Vítimas. Dirige Projeto e Programas que oferecem suporte emocional , psicológico e […]

  • Qual o supermercado mais barato do Reino...

    by on 14 de outubro de 2021 - 0 Comments

    Share1Facebook1Tweet0Pin0LinkedIn0Print0Email0 Segundo dados de uma pesquisa recente com 22 itens essenciais, o supermercado Aldi foi citado como o mais barato. Durante pesquisa realizada com itens considerados essenciais em diversos supermercados do Reino Unido, o Aldi FOI considerado o mais barato, as compras custaram £ 24,03. A comparação foi feita entre os mesmo itens em lojas […]

×
Portal Londres