Aposentadoria no Brasil é pauta discutida em Londres

Agenda do terceiro setor, Cotidiano, Economia/Política, Fique por dentro 24 de julho de 2019

 

A Aposentadoria no Brasil é uma preocupação de milhares brasileiros, incluisve daqueles que não residem mais no país de origem. Com isso, a Casa do Brasil em Londres realizou, na tarde de sábado (20), uma palestra com a advogada especialista em direito previdenviário, Patricia Guaciale.

Acontece que muitos trabalhadores contribuiram, alguns continuam contribuindo e desejam aposentar, e outros pararam de recolher os impostos no Brasil. Portanto, a Reforma da Presidencia do Brasil é um assunto que interessa a todos os brasileiros, principalmente os que vivem no Reino Unido (UK).

Muitos estão na dúvida: continuo ou não o recolhimento? Eu perco o que já recolhi? O que mudou?

Conforme Guaciale, já foi aprovado um texto na Câmara dos Deputados, porém no panorama atual existe dois tipos de aposentadoria no Brasil. Sendo elas: por idade ou por tempo de contribuição.

A palestrante fez um breve relato de como atualmente funciona a aposentadoria no Brasil, algumas alterações conforme o texto, e a importância de um planejamento previdenciário, mas cada caso deverá ser analisado individualmente.

Além de tudo, ela citou outros fatores que deverão serem analisados tais como: o fator aprevidenciário e os Acordos Internacionais de Previdencia, inclusive o Acordo entre Brasil e Portugal.

Vale destacar que a Inglaterra não possui acordo no momento, ou seja, não existe a possibilidade de unir o período que o brasileiro trabalha aqui no UK com o que trabalhou no Brasil, pois isso dependeria de um possível acordo do itamaraty com o governo britânico.

A advogada afirmou que mesmo deixando de recolher no Brasil, a pessoa não perde e poderá voltar a recolher a qualquer momento, sendo assim juntando com os demais recolhimentos, seja ele facultativo ou obrigatório.

Ela explica que o recolhimento facultativo é quando a pessoa tem a opção de contribuir para a sua aposentadoria sem trabalhar e o sistema previdenciário no Brasil possibilita essa opção.

Mas, como um planejamento previdenciário pode beneficiar? Ela afirma que cada caso deve ser realizado uma análise individualmente, e assim a pessoa poderá tomar uma descisão consciente do que será melhor no futuro.

“Com a alteração do sistema previdenciário no Brasil, a soma e a descisão deverá ser realizada de acordo com cada pessoa e o histórico específico”, afirma a especialista.

Outra dúvida é se a pessoa pode ter duas aposentadorias, sendo uma no Brasil e a outra na Inglaterra? Segundo a especialista isso é possível.

Por Laura Arruda

Deixe seu Comentário

×