Ítalo-Brasileira, nascida em Londres, Vittoria Bello-Borges com 12 anos joga tênis em Wimbledon

Cotidiano, Destaque Mais Lidas, Entretenimento, Esportes, Fique por dentro, Mais Lidas 11 de julho de 2019

Aos 6 anos de idade foi escolhida pra jogar pelo WJTI- “Wimbledon Junior Tennis Initiative”, onde joga e treina até hoje. Filha de pais ítalos-brasileiros, esforçada e dedicada tanto nos estudos quanto no esporte, Vittoria, segue o gosto dos pais pelo esporte. A mãe já jogou voleibol e o pai jogou futebol.

Sem contar que Vittoria ainda possui uma tia-madrinha (irmã da mãe) que foi ex-jogadora de voleibol, que hoje mora no Brasil é a grande incentivadora da Vittoria no tênis e no esporte.

“A minha irmã tem certeza que ela será uma jogadora de tênis profissional, mas pra mim até aqui onde ela chegou já valeu a pena”, disse a mãe orgulhosa da filha.

Vanderli relata que os demais familiares vivem no Brasil e aqui na Inglaterra sempre foi ela, o marido e a filha, mas que mesmo assim possui boas pessoas que incentivam a filha aos assuntos gerais, tais como o padrinho inglês que incentiva muito a Vittoria na musica e na ciência, o padrinho grego muito envolvido com grupos de gastronomia que motiva a Vittoria quanto a culinária, também recebe incentivo dos professores, diretora de escola, tios e tias do Brasil que mesmo distantes se fazem presente.

 

 

 

A menina de 12 anos, estuda no years 7 (como é em Londres, ou, no 1 ano do 2 grau, como é no Brasil). Segundo Vanderli, a menina já estudou piano, violão e gosta de experimentar de tudo um pouco. “Ela gosta de cantar e dançar, o tênis é uma grande oportunidade de jogar nesse grupo porque são poucos que possui essa chance, pois ali só entra se for convidado ou escolhido. Portanto, tem sido uma grande experiência pra ela, que também joga para a escola”, disse.

Além disso, a menina gosta de escrever, é boa aluna, tem amigas, fala Inglês, português e na estuda Francês, Espanhol e Latim, enfim ela é uma filha maravilhosa, de coração enorme, amorosa e é um exemplo de criança e humildade, segundo a mãe “sempre aprendemos muito com ela”.

No tênis a Vittoria iniciou aulas em grupo aos 5 anos de idade, com o treinador Paul Barton. Aos quase 6 anos de idade, a tenista foi escolhida para jogar para o WJTI (Wimbledon Tennis Iniative), onde continua jogando.

O WJTI é uma iniciativa de Wimbledon Tennis que busca novos talentos e dá oportunidades para algumas crianças terem uma experiência no tênis, e quem sabe se sobressair. A única maneira de jogar para WJTI é sendo escolhido pela equipe de treinadores, não existe outra maneira. E pra isso, algumas escolas de Merton e Wandsworth são visitadas e após serem observadas as habilidade das crianças, algumas são escolhidas.

Portanto, essa seleção tanto para Vittoria quanto para os pais é uma grande alegria e motivo de orgulho por ela ter sido escolhida e fazer parte desta iniciativa tão elitizada.

A Vittoria tem vários treinadores e o “head coach” (treinador principal) do All England Club é o Dan Bloxham, nível 5 no tênis, um profissional super popular e que também ficou famoso por ter ajudado Andy Murray e Joahanna Konta rumo ao sucesso.

Dan Bloxham também é o mestre de cerimônias e tem como função convidar os jogadores para jogar na Centre Court (quando um Jogador entra para jogar na Centre Court, é o Dan quem leva eles até a quadra, por isso na transmissão televisiva a primeira pessoa que aparece é o Dan em seguida é o jogador).

A tenista treina todos os sábados e domingos, vale destacar que toda a dinâmica para conciliar os estudos, treinos e outras atividades leva um esforço, pois envolve a agenda da família como um todo. Mas isso não incomoda a família, muito pelo contrário, estão todos dispostos a pagar o preço dessa valiosa oportunidade.

“Conciliar o tennis com as muitas outras atividades escolares e agenda nossa pra podermos levá-la aos treinos é um trabalhão, pois no momento mudou pra um centro de treinamento em Rayners Park, o que até então os treinos aconteciam nas quadras do All England Lawn Tennis, em Wimbledon, até concluir as reformas e colocação de teto na Court 1, leva um trabalho mas isso é motivo de alegria e orgulho”, frisa.

Como um “treat”, todos os anos, dois dias antes do grande campeonato de tênis iniciar, algumas crianças são convidadas a irem passar algumas horas nas quadras, num chamado Wimbledon Tennis Tour, rodeados de tenistas famosos treinando e circulando pelo clube livremente.

 

 

Por Angela Rodrigues e Laura Arruda

 

7 Comentários para “Ítalo-Brasileira, nascida em Londres, Vittoria Bello-Borges com 12 anos joga tênis em Wimbledon”

  1. Que orgulho de ser brasileira! Parabéns!

  2. Edward José Bernardes em 13 de julho de 2019 @ 15:31

    Vilória: conhecendo sua mãe Vanderlly e sua tia Vilmara posso afirmar que a fruta não cai longe do pé !!! Essa garra e essa disposição está na sua genética e , claro, na sua educação de berço que proporciona uma visão do mundo , muito abrangente tornando você uma cidadã mundo acima da média. Sucesso! Sucesso! Sucesso!! Deus te proteja e abençoe. ! Parabéns!!!

    • Vanderli Bello em 5 de agosto de 2019 @ 11:53

      Edward Bernardes,
      Obrigada pelas lindas palavras de incentivo .
      🙏👏😀

      A Vittoria w nos (pei, mae d Tidinda Vilmara) agradecemos🙏

  3. João Oliveira em 5 de agosto de 2019 @ 18:49

    Que lindo, acho que vai ser uma grande atleta, vai Vitória…

  4. Evelise Antunes em 9 de agosto de 2019 @ 23:33

    Que maravilhosa reportagem!

    Muito orgulho da tenista Vittorinha, que além de esportista se destaca nos estudos e na música! Com certeza fruto de todo esforço e dedicação da Vanderli e do Adriano desde seu nascimento!
    Parabéns!!! Vcs nos enchem de alegria!!!

    Com certeza muitas outras conquistas virão!

    Continue em frente, Vittoria!!!

Deixe seu Comentário

×